News

Fazendo do lixo um luxo

Dudu Cruz - Arte feita com vinagrete - AUTVIS

 

Criatividade é algo que nunca faltou para o artista digital Dudu Cruz. Nascido em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, e músico desde jovem, começou na arte digital em 2003, quando teve uma ideia diferente: “Eu passei a escanear os pratos sujos. Depois comecei a puxar texturas e formar imagens. Quando um fotógrafo viu meus projetos, ficou impressionado. Ele me indicou uma exposição e começou a dar linha ao meu trabalho”.

 

Tendo o mouse como pincel, o artista filiado da AUTVIS, apelidou suas obras de Prato Sujo. “Depois de um tempo comecei a registrar coisas que não eram apenas sujeiras de prato, como cascas de árvores, plásticos, coisas que não são comestíveis. Foi aí que eu mudei o nome para Prato Cheio. Depois de algum tempo, mais conhecido na praça, resolvi mudar para Arte Digital Dudu Cruz”, diz o carioca.

 

Quando questionado sobre a importância do trabalho da AUTVIS, o artista é só elogios: “Em 2008 fui premiado por nada menos do que a Academia de Artes Ciências e Letras de Paris. E isso só foi possível por conta da AUTVIS, que está na minha história e no meu coração”.

 

Há 15 anos, Dudu trabalha na Cúria de São Paulo, fazendo diagramações de folhetos.


Algumas de suas obras podem ser vistas na
GALERIA do site da AUTVIS.

 

 

Autor: Linhas Comunicação - Pedro Nuin

REDES SOCIAIS AUTVIS
 

Agenda

São Paulo

Olá Maurício !

18/07 a 15/12/2020 - Centro Cultural FIESP

Saiba Mais